Engenharia da Computação, Home

Eniac
Por Eniac em May 23, 2023 12:00:00 AM | 5 min de leitura

A engenharia da computação é um dos ramos da engenharia que combina conhecimentos de engenharia elétrica, eletrônica, ciência da computação e matemática para projetar e desenvolver sistemas de computação e dispositivos eletrônicos. Essa área é responsável por projetar, desenvolver e implementar sistemas computacionais e dispositivos eletrônicos que são usados em uma ampla gama de áreas, como saúde, transporte, comunicação e segurança.

Os engenheiros da computação são responsáveis por criar soluções tecnológicas para uma ampla variedade de problemas e desafios. Eles trabalham em equipes multidisciplinares, colaborando com outros profissionais, como engenheiros elétricos, cientistas da computação, matemáticos, físicos e profissionais de outras áreas, dependendo do projeto em questão.

Importância da Engenharia da Computação

A engenharia da computação tem uma importância significativa na sociedade atual, uma vez que é responsável pelo desenvolvimento de tecnologias avançadas e soluções inovadoras. Essas tecnologias podem ser aplicadas em diferentes áreas, como a indústria, a medicina, a comunicação, entre outras, trazendo benefícios para a sociedade como um todo.

Por meio da engenharia da computação, é possível projetar e desenvolver sistemas complexos que ajudam na resolução de problemas cotidianos e também em desafios maiores, como o gerenciamento de recursos naturais, a melhoria da qualidade de vida das pessoas e a solução de problemas globais

A engenharia da computação também contribui para o desenvolvimento da ciência e da pesquisa. Por meio do uso de técnicas avançadas de modelagem e simulação, os engenheiros da computação podem explorar diferentes cenários e testar hipóteses de forma mais rápida e precisa do que seria possível com métodos tradicionais.

Onde o Engenheiro da Computação pode trabalhar?

O engenheiro da computação tem um amplo leque de possibilidades de atuação profissional, podendo trabalhar em diversos setores e áreas, tais como: indústria, tecnologia da informação, setor público, pesquisa e desenvolvimento, empreendedorismo e outras áreas que necessitem de soluções tecnológicas.

Na indústria, por exemplo, o engenheiro da computação pode desenvolver e aprimorar sistemas de produção automatizados, robôs industriais, sensores e sistemas de controle. Na tecnologia da informação, ele pode criar e gerenciar sistemas de informação, projetar e desenvolver softwares, fazer a gestão de redes de computadores e outras atividades relacionadas.

Ademais, setor público, ele pode atuar em órgãos governamentais, desenvolvendo soluções para otimizar processos, criar sistemas de informação e promover a inovação tecnológica. Na área de pesquisa e desenvolvimento, ele pode trabalhar em empresas e institutos de pesquisa, desenvolvendo novas tecnologias e soluções, realizando experimentos e testes de novos sistemas e equipamentos.

Principais áreas de atuação da Engenharia da Computação

A engenharia da computação é uma área plural que abrange diferentes áreas do conhecimento, como ciência da computação, eletrônica, sistemas de controle, engenharia elétrica, entre outras. Dentre as principais áreas de atuação dentro da engenharia da computação, destacam-se:

Sistemas Embarcados

O engenheiro da computação que atua na área de sistemas embarcados é responsável por projetar e fazer a manutenção dos sistemas computacionais que são integrados a dispositivos eletrônicos. Esses sistemas são projetados para realizar funções específicas, como controle de equipamentos, processamento de sinais e coleta de dados.

Para realizar essas atividades, o profissional precisa entender as necessidades do cliente e do sistema, projetar o hardware e o software que serão integrados ao dispositivo eletrônico, realizar testes e validação para garantir que o sistema atenda aos requisitos especificados, além de manter e atualizar o sistema ao longo do tempo.

Redes de Computadores

Quando o engenheiro da computação trabalha no ramo de redes de computadores ele é responsável por projetar, implementar, gerenciar e manter sistemas de rede de computadores. Isso envolve conectar diversos computadores e dispositivos em uma rede, permitindo que eles compartilhem recursos e se comuniquem de forma segura e eficiente.

As atividades desse profissional consistem em projetar a arquitetura da rede, configurar e instalar equipamentos de rede, monitorar e gerenciar o desempenho da rede, implementar medidas de segurança para proteger a rede de ataques externos e internos, e manter e atualizar a rede ao longo do tempo.

Sistemas Distribuídos

O engenheiro da computação que se dedica à área de sistemas distribuídos é responsável por criar, desenvolver e manter sistemas de software que operam em múltiplas máquinas conectadas em rede. Esses sistemas possibilitam que os usuários possam acessar e compartilhar recursos e serviços de forma transparente, como se estivessem utilizando um único sistema.

O profissional precisa compreender as necessidades do cliente, planejar a arquitetura do sistema, selecionar as tecnologias e ferramentas mais adequadas para implementar o sistema, desenvolver e integrar os componentes do sistema, e testar e validar o sistema para garantir que ele atenda às especificações exigidas.

Desenvolvimento de Software

O engenheiro da computação que atua na área de desenvolvimento de software é responsável por criar programas de computador que atendam às necessidades dos usuários finais. Para isso, ele utiliza seu conhecimento em linguagens de programação, estruturas de dados e bancos de dados para desenvolver soluções de software personalizadas para cada cliente.

Para ser bem-sucedido nessa área, ele precisa entender as necessidades do cliente, definir os requisitos do software, planejar a estrutura do sistema, escrever o código, testar o software e documentar todo o processo de desenvolvimento.

Internet das Coisas (IoT)

O engenheiro de IoT trabalha no desenvolvimento de sistemas embarcados, sensores, atuadores e dispositivos de comunicação que permitem a conexão dos dispositivos à Internet. Ele também é responsável pelo desenvolvimento de softwares que permitem a integração e análise dos dados coletados pelos dispositivos, permitindo a tomada de decisões baseadas em dados.

As principais atividades desempenhadas pelo engenheiro que decide trabalhar nessa área incluem o projeto de sistemas eletrônicos, o desenvolvimento de firmware e softwares para dispositivos IoT, a configuração de redes de comunicação, o desenvolvimento de plataformas de análise de dados e a criação de soluções de segurança para proteger a privacidade dos dados coletados pelos dispositivos.

Como se tornar um Engenheiro da Computação

Para se tornar um engenheiro da computação é necessário seguir algumas etapas importantes. A primeira delas é graduar-se em um curso de graduação em Engenharia da Computação, que geralmente tem duração média de 5 anos. É importante escolher uma instituição de ensino reconhecida pelo MEC e que ofereça um curso de qualidade.

Por fim, para exercer a profissão, é necessário se registrar no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) do estado em que se pretende atuar, para obter a licença para exercer a profissão. Ao seguir esses passos, o indivíduo estará apto a atuar no mercado de trabalho como um engenheiro da computação capacitado e preparado para os desafios da área de tecnologia.

Veja também:

Engenharia da Computação Home

CONTEÚDOS RELACIONADOS

Como se tornar autodidata: dicas, objetivos e mais!

Na era da informação em que vivemos, o autodidatismo emerge como uma ferramenta libertadora, permitindo-nos transcender ...
6 min de leitura

Curso de Administração: duração, grade curricular e mais!

Em meio a um mundo empresarial que se reinventa a cada dia, o curso de Administração emerge como um farol, orientando ...
6 min de leitura

Prescrição eletrônica na farmácia: eficiência e segurança!

Na era digital, a saúde vem experimentando transformações notáveis, e uma das mais impactantes é a implementação da ...
7 min de leitura
Ver mais conteúdossobre Engenharia da Computação Ver mais conteúdossobre Home